O que é  uma colectomia ?
 th[3]Colectomia é a cirurgia para remover a totalidade ou parte do  cólon (intestino grosso ). Na grande maioria das vezes é possível retirar um segmento e reconectar as duas partes do intestino, permitindo a evacuação pelo ânus, porém  pode ser necessária a confecção de uma ostomia ( uma abertura na  parede do intestino para que as fezes  possam ser eliminadas através de uma bolsa na parede abdominal), geralmente é uma situação temporária para permitir a melhor cicatrização dos tecidos e após alguns meses ela pode ser fechada , voltando a pessoa a evacuar pelo ânus. Excepcionalmente pode ser uma condição definitiva , como por exemplo se há um tumor localizado muito próximo a borda do ânus .


Veja mais detalhes no item seu intestino

Indicações de cirurgia

    •    Câncer do Intestino grosso ou reto
    •    Pólipos que não podem ser removidos por colonoscopia
    •    Hemorragia digestiva baixa
    •    Diverticulite
    •    Obstrução intestinal
    •    Doença inflamatória intestinal
    •    Megacólon


vljpgComo é realizada uma colectomia laparoscópica ?
A cirurgia minimamente invasiva ou laparoscópica envolve a utilização de múltiplos trocateres ( tubos finos) colocados através de 3 a 5 pequenas incisões. Estas incisões são geralmente menores que  0,5 cm . Um gás (dióxido de carbono) é utilizado para lentamente inflar o abdome. Uma câmera  é colocada através de um dos trocateres. Isto permite que a equipe cirúrgica  visualize o interior do abdome por um monitor . Instrumentos especializados (pinças) são colocados através dos trocateres para executar a operação. Para a cirurgia do cólon, uma das incisões é ampliada para remover a peça cirúrgica. O procedimento é realizado sob anestesia geral.


Vantagens
Os resultados são diferentes para cada procedimento e cada paciente. Algumas vantagens comuns de cirurgia minimamente invasiva coloretal são:

    •    Menor tempo de internação
    •    Menor tempo de recuperação
    •    Menos dor nas incisões
    •    Retorno mais rápido à dieta normal
    •    Retorno mais rápido ao trabalho ou atividade normal
    •    Melhor aspecto estético

A maioria dos  pacientes pode ser submetidos  a uma cirurgia laparoscópica ou minimamente invasivas. No entanto, algumas condições podem não permitir este tipo de procedimento, tais como uma cirurgia abdominal anterior, tumores muito avançados, obesidade,  variações na anatomia ou doenças avançadas do pulmão, coração ou rins.

 
 

Centro Médico do Hospital
Português , sala 415
  
Tel (71) 3507-3571

  

                                 
  Site Map